INFORMAÇÃO

Itaboraí regulamenta novos pontos de parada para táxi

Quem utiliza táxis como meios de transporte em Itaboraí precisa ficar atento à regulamentação de pontos espalhados pelo município. A Prefeitura de Itaboraí, por meio da Secretaria Municipal de Transportes (SEMTRANS), fixou as novas paradas em cinco endereços. A resolução (nº 9) foi publicada na edição da última quarta-feira (20/04), no Diário Oficial.

Dos cinco pontos fixados, quatro deles ficam no Centro. Três dessas paradas são: Rua José Raposo, próximo ao restaurante Santa Mônica (quatro vagas); Avenida 22 de Maio, em frente ao supermercado Rede Economia (sete vagas); e Rua Fidélis Alves, em frente à Caixa Econômica (12 vagas). A novidade fica para o retorno do ponto na Avenida Amélia Saraiva, em frente às Casas Bahia, com oito vagas.

Outro ponto também regulamentado fica na Rua Prefeito Álvaro de Carvalho, na altura do Hospital Municipal Desembargador Leal Júnior, em Nancilândia, com duas vagas. De acordo com o secretário municipal de Transportes, Heitor Baldow, a medida visa atender uma antiga demanda dos próprios taxistas, diante da melhor localização para atrair passageiros.

“O retorno do ponto de parada na lateral da Praça Alarico Antunes era uma das principais reivindicações da classe. O ofício de táxi é muito importante para manter a cidade funcionando”, afirmou o secretário.

Segundo a nova resolução, fica determinado que, pelo menos, dois permissionários do serviço de táxi estejam trabalhando nesses novos pontos. A organização e fiscalização ficarão a cargo da Superintendência de Transportes Concedidos e o descumprimento das determinações acarretará pena de suspensão de operar durante dois dias consecutivos.

O taxista Nízio Souza, de 64 anos, que há sete trabalha com táxi em Itaboraí, aprovou a iniciativa de regulamentar o retorno do antigo ponto de parada ao lado da praça.

“Ao lado da praça era o nosso ponto principal antigamente. É positiva a volta regulamentada dessa parada, porque vai contribuir muito para a melhoria do nosso trabalho”, disse.

error: Content is protected !!
× Como podemos te ajudar?